Política

Bolsonaro veta PL que exigia psicologia e assistência social em escolas públicas

Justificativa do governo é de que o texto cria despesas ao Poder Executivo sem indicar uma fonte de receita

[Bolsonaro veta PL que exigia psicologia e assistência social em escolas públicas]
Foto : Valter Campanato/Agência Brasil

Por Juliana Rodrigues no dia 09 de Outubro de 2019 ⋅ 11:40

O presidente Jair Bolsonaro vetou integralmente um projeto de lei que tornava obrigatória a prestação de serviços de psicologia e de serviço social nas redes públicas de educação básica.

A justificativa do governo para o veto, publicado no Diário Oficial da União de hoje (9), é de que o texto cria despesas ao Poder Executivo sem indicar uma fonte de receita. A Presidência da República diz ter ouvido os ministérios da Educação e da Saúde para decidir pelo veto à matéria.

Notícias relacionadas

[Lídice da Mata quer quebrar sigilos de Fabio Wajngarten]
Política

Lídice da Mata quer quebrar sigilos de Fabio Wajngarten

Por Kamille Martinho no dia 29 de Janeiro de 2020 ⋅ 12:40 em Política

A comissão tem informações de que secretário de Comunicação Social da Presidência teria participado da rede clandestina de financiamento e operação das milícias digitais...

[Após aval do TRE-BA, Léo Prates sai do DEM ]
Política

Após aval do TRE-BA, Léo Prates sai do DEM 

Por Alexandre Galvão no dia 29 de Janeiro de 2020 ⋅ 07:37 em Política

Em mensagem divulgada hoje, o político ressaltou que sai da legenda, mas permanece ao lado do prefeito de Salvador, ACM Neto (DEM)