Editorial

MK diz que 'não quer fazer cabeça' de Alexandre Aleluia e vai levar ofensas à Justiça; ouça

Em comentário na Rádio Metrópole, Kertész também mencionou as recentes declarações de Bolsonaro e voltou a afirmar que o presidente "não enganou ninguém"

[MK diz que 'não quer fazer cabeça' de Alexandre Aleluia e vai levar ofensas à Justiça; ouça]
Foto : Tácio Moreira / Metropress

Por Metro1 no dia 15 de Agosto de 2019 ⋅ 09:48

Em comentário hoje (15) na Rádio Metrópole, Mário Kertész abordou a repercussão de sua fala sobre os posicionamentos de extrema-direita do vereador Alexandre Aleluia (DEM), filho do ex-deputado federal José Carlos Aleluia (DEM). MK afirmou que o edil tem todo o direito de dizer que "não quer aprender" e se mostrou ofendido com comentários feitos pelos seguidores de Alexandre, ressaltando que um dos casos será levado à Justiça.

"O pai dele foi um grande deputado federal e eu sempre fiz questão de dizer isso, extremamente equilibrado, e de repente eu vejo o filho dele jovem entrando na extrema-direita. Se fosse em outros tempos, certamente estaria na juventude hitlerista, e o pior é que ele responde dizendo que não quer aprender. Tá bom, você tem todo o direito, eu não quero fazer sua cabeça, continue no seu caminho. Agora, alguns de seus seguidores... um deles me agrediu de uma forma que vai ter que responder na Justiça. Na boa. Eu não gosto de perder o tempo da nossa Justiça com pessoas que não têm cérebro. (...) Ele vai ter que provar o que ele disse, só isso. Pode ser até que ele tenha razão, não é? Que o que ele tenha dito de mim seja verdade. A gente tem que ter a capacidade e a inteligência de dar o benefício da dúvida. Agora, ele vai ter que provar isso na boa", disse.

MK também mencionou as recentes declarações do presidente Jair Bolsonaro em Parnaíba (PI) e voltou a afirmar que o presidente "não enganou ninguém". "Nosso presidente Bolsonaro continua na mesma trilha, não engana ninguém, voltou a falar de cocozinho lá no Piauí. Eu acho isso ótimo, porque diverte. Vamos parar com essa coisa de ódio, de ficar dizendo... Bolsonaro, aliás, com o respeito que ele merece, porque é o presidente do Brasil, o presidente Jair Messias Bolsonaro é assim, sempre foi assim, vai continuar sendo assim e pronto. Não enganou ninguém, faço questão de dizer. Quem se enganou, se por acaso aconteceu algum engano, foi porque quis. (...) E eu continuo torcendo que as coisas deem certo, pelo menos no ponto de vista econômico. Tô achando difícil. O que eu tô vendo é o Brasil sendo encaminhado para ser vendido. Nós não vamos ter mais indústrias, construtoras, Petrobras, bancos, nada. Mas na vida tudo passa e a gente tem que ser otimista. Eu continuo otimista", afirmou.

Ouça o comentário completo:

Notícias relacionadas